Evipes - O Checkout dos Campeões

SEO para afiliados: Como gerar renda extra através de SEO

Afiliado

Blog

Como gerar renda extra através de SEO

Se você está atento ao mercado digital, que está crescendo cada vez mais, já deve ter se deparado com o termo SEO.

A estratégia de SEO é uma das mais antigas do marketing digital, pois podemos dizer que ela surgiu logo nos primórdios da internet.

E isso porque está ligada diretamente ao mecanismo básico para fazer uma pesquisa na internet: a pesquisa por palavras e termos usados pelos usuários nos mecanismos de busca.

Quem investe tempo e dedicação em SEO tem a grande vantagem de gerar um verdadeiro ativo na internet capaz de gerar renda a médio e longo prazo sem precisar investir muito dinheiro.

Se você hoje pretende construir uma fonte de renda extra sólida na internet, mas ainda não tem um bom aporte de capital para investir, SEO é uma boa pedida para o seu caso.

Acompanhe este artigo até o final e entenda como a estratégia de SEO pode gerar renda extra.

Primeiro: entenda o que é SEO e qual o seu poder de gerar renda

SEO é a sigla de Search Engine Optimization, que traduzindo livremente para o português, significa “otimização para mecanismos de pesquisa”.

Trata-se de usar configurações específicas em um site ou blog e gerar conteúdo focado em facilitar o aparecimento nas primeiras páginas do Google quando alguém faz uma pesquisa sobre determinado termo, conhecido como “palavra-chave”.

Imagine o seguinte: o cano da pia da sua cozinha estourou, e agora você tem um vazamento a ser resolvido. Rapidamente você pega seu celular e busca no Google por um encanador na sua cidade.

Digamos que você more em São Paulo. Provavelmente você digitará na barra de busca do Google: “encanadores em São Paulo”. Rapidamente aparecerão vários resultados na primeira página… e várias páginas de resultados.

Mas como todo mundo está sempre com pressa, você provavelmente vai clicar em um resultado da busca logo na primeira página.

Os quatro primeiros resultados são os links patrocinados, que são anunciantes que estão pagando para aparecer ali.

Porém, logo abaixo deles, existem vários outros resultados na primeira página que também têm grandes chances de serem clicados.

É aí que está o valor de um bom trabalho de SEO: ele te coloca na primeira página do Google de maneira orgânica, ou seja, sem que você precise pagar anúncios.

Ok… Mas como o SEO gera renda para um negócio?

Basicamente, porque o SEO conecta o interesse das pessoas diretamente com a solução que você oferece no mercado, sendo uma fonte de tráfego (que é o fluxo de pessoas acessando as suas páginas) muito qualificada.

Os mecanismos de busca são o meio mais utilizado para buscar soluções e respostas no mundo de hoje. Conforme os dados apresentados pelo portal Search Engine Journal, 93% de todas as experiências online começam a partir de um mecanismo de busca.

As ferramentas de pesquisa na internet trouxeram um marco no comportamento do mercado consumidor, que é o de pesquisar intensamente aquilo que deseja comprar antes de tomar a decisão.

Só para ter uma noção, 81% dos usuários da internet fazem alguma pesquisa online para poderem decidir uma grande compra, seja numa loja online ou numa loja física (segundo a pesquisa da agência Breezy Hill Marketing).

Quanto mais no topo dos resultados de busca o seu site ou blog aparecer, mais tráfego você terá. Pois os 5 primeiros resultados orgânicos da primeira página do Google concentram 67,6% de todos os cliques (segundo os dados do portal Zero Limit Web).

E como começar  a usar o SEO para gerar renda extra?

Existem várias táticas diferentes de SEO para otimizar um site para os mecanismos de buscas:

  • Pesquisa de palavras-chave;
  • Produção de conteúdo para blog;
  • Configurações on-page;
  • Atualização de conteúdo;
  • Otimização para dispositivos mobile;
  • Linkagens externas;
  • Design e otimização para experiência do usuário (UX);
  • Link Building;
  • Guest blogging;
  • EAT;
  • SEO para Youtube

Para dominar todas essas táticas, existe uma curva de aprendizado longa e é necessário fazer cursos específicos de SEO. Pois são várias táticas diferentes que podem ser feitas simultaneamente para aumentar as chances de aparecer na primeira página do Google.

Entretanto, para que você já comece o seu trabalho com SEO, vamos focar aqui nas duas primeiras táticas dessa lista, que são as mais importantes num primeiro momento: a pesquisa de palavras-chave e a produção de conteúdo para blog.

Leia também: Youtube para afiliados: Venda no Youtube como afiliado e lucre, e aprenda mais uma forma de vender como afiliado!

Pesquisa de palavras-chave

Tudo começa por entender o que os possíveis compradores dos seus produtos estão pesquisando no Google.

Vamos supor que você esteja vendendo um curso de artesanato. Pense no que as pessoas que têm interesse em aprender artesanato estão digitando na barra de busca:

  • Como fazer artesanato;
  • Como trabalhar com artesanato;
  • Cursos de artesanato;
  • Como vender artesanato;
  • Ferramentas para artesanato;
  • Materiais para artesanato;

Você deve listar o máximo de palavras-chave que estejam relacionadas ao tipo de solução que você quer vender, seja um produto ou um serviço.

Com essa lista pronta, você vai usar uma ferramenta chamada “pesquisador de palavras-chave” para saber quais têm um bom volume de busca e focar nelas. O Google oferece essa ferramenta, porém ela é paga.

Mas você tem uma opção gratuita, que é o Ubersuggest. Nela você consegue pesquisar o volume de buscas mensal das suas palavras-chave.

DICA: no Ubersuggest você também pode pesquisar sugestões de palavras-chave a partir das que você já listou. Dessa forma você pode encontrar mais termos de busca que estão sendo digitados no Google e que podem levar as pessoas ao seu site. 

Produção de conteúdo para blog

Agora você já definiu quais são as palavras-chave relacionadas ao seu negócio que mais estão sendo pesquisadas pelos usuários na internet, e que, portanto, tem maior potencial de levar tráfego para o seu site.

Mas para qual site?

Para um blog! Entenda que as pessoas estão na internet para consumir conteúdo. Elas não estão procurando por produtos, num primeiro momento… e sim por respostas. Então você vai produzir conteúdo que responda às dúvidas que essas pessoas têm.

Peguemos o mesmo exemplo do curso de artesanato e as palavras que listamos anteriormente. A partir delas, podemos definir alguns temas pertinentes para pessoas que se interessam por artesanato, como por exemplo:

  • Aprenda como fazer artesanato gastando pouco
  • Como começar a trabalhar com artesanato
  • Veja quais são os melhores fornecedores de material para artesanato

Quanto mais especializado o seu blog ficar em um tema, gerando conteúdo com qualidade nas suas páginas, mais o Google vai entender que o seu blog é relevante para as pessoas com interesse em tal assunto e, portanto, melhores rankings você vai alcançando nos resultados de pesquisa do buscador.

Tá certo… mas como SEO se transforma em dinheiro na sua conta?

Ok… agora você gerou conteúdo relevante para um tema específico e as pessoas interessadas nisso estão visitando o seu blog.

Ou seja, o seu blog está recebendo tráfego segmentado e qualificado. Isso vale ouro no mercado digital.

E existem basicamente duas formas de você transformar esse tráfego em dinheiro.

Vender espaço de publicidade

Você pode destinar espaços de publicidade no seu blog para anunciantes. E para isso você nem precisa buscar por anunciantes, basta você usar o programa de afiliados do Google Adsense.

Nele, você coloca banners nas suas páginas reservados para a rede de display do Google, que direciona automaticamente publicidade de ofertas relacionadas aos seus temas. E você ganha centavos por cada clique que os visitantes das suas páginas dão.

Dependendo da quantidade de visitantes que um dia você consiga alcançar fazendo um bom trabalho de SEO a médio e longo prazo, seu blog pode virar um grande portal e despertar interesse de empresas que queiram firmar contratos de publicidade.

Indicar cursos, produtos e serviços

Em meio aos conteúdos que você publica no seu blog, você pode indicar para os seus leitores um curso, produto ou serviço relacionado ao tema específico.

Ainda pegando o exemplo do curso de artesanato, se você já é um artesão, pode criar um curso seu e vender para seus leitores. Ou também pode ainda ser revendedor de produtos para artesanato, indicando suas ofertas no seu blog.

Como começar um projeto de renda extra com SEO mesmo sem ter nenhum curso ou produto para vender

Se você quer começar a gerar renda extra com SEO mas não é um produtor e nem tem uma fonte de fornecimento de produtos, preste atenção nos próximos parágrafos.

Você pode se afiliar a produtos e cursos de outros produtores. Ou seja, você pode vender produtos de outras pessoas e ser comissionado por isso.

A Evipes é uma plataforma de marketplace digital onde você encontra produtos físicos e digitais dos mais variados nichos de mercado para você gerar renda online.

Funciona de uma forma muito simples: você acessa a plataforma Evipes, faz o seu cadastro e acessa a área de membros. Lá você encontrará cursos online, serviços de assinatura e produtos físicos separados de acordo com segmentos de mercado.

Basta escolher os produtos com os quais quer trabalhar, e solicitar sua afiliação. Assim que aprovado como afiliado, você recebe seus links exclusivos de indicação.

Cada compra desses produtos que acontecer através do seu link de indicação, você recebe comissões de até 40% sobre o valor de venda. São comissões bastante lucrativas.

Então, para começar hoje o seu projeto de SEO para gerar renda a médio e longo prazo, faça o seguinte:

  1. Pense sobre um tema que você goste, pelo qual você se interesse de verdade. Algo que você goste tanto a ponto de pensar: “Eu acho esse assunto tão interessante que eu escreveria de graça sobre isso”;
  2. Pesquisa sobre as palavras-chave mais usadas sobre esse tema. Entenda o que as pessoas estão buscando sobre esse assunto e escreva para dar respostas a ela;

Cadastre-se na plataforma Evipes e afilie-se aos produtos que tenham a ver com o tema do qual você vai criar conteúdo, e indique para seus leitores.