Evipes - O Checkout dos Campeões

Funil de vendas: O que é e como usar corretamente

Marketing Digital

Blog

Etapas do funil de vendas

Quando falamos em funil de vendas estamos nos referindo a um modelo de estratégia com algumas etapas fundamentais para o Inbound Marketing, tendo como foco o aumento dos resultados na sua empresa.

Ele deve ser criado e monitorado com muita precisão, pois se não for bem controlado você poderá perder muitos clientes. E caso você não esteja usando um funil de vendas, é muito provável que esteja perdendo vendas e clientes!

O funil pode ser ajudar na etapa de comunicação estratégica entre você e o cliente, podendo ser aplicado nos anúncios para atrair mais trafego, e outros lugares.

O que é Funil de vendas:

Como dissemos anteriormente, o funil de vendas é um modelo estratégico. Ele possui etapas dividas no caminho que o cliente percorre até finalmente fazer a compra.

Sendo o primeiro momento de interesse no produto ou empresa, até o processo de pós-venda (em alguns o processo final é apenas a venda, ou seja, não vai além dela).

Podemos usar essa estratégia para fazer com o que o cliente seja acompanhado desde o momento que ele passa a conhecer o item vendido pela sua empresa, até o processo final de compra.

O cliente passa por várias etapas que através do funil de vendas, podemos descobrir em qual ele está. Por exemplo, o primeiro contato com seu produto ou empresa, a pesquisa que ele fez sobre o produto, o momento final da compra, e o pós-venda.

Etapas do funil de vendas:

Etapas do funil de vendas

Um funil de vendas possui três etapas definidas pelas siglas:

ToFu – Top of the Funnel: O topo do funil.

MoFu – Middle of the Funnel: O meio do funil.

BoFu – Bottom of the Funnel: Final do funil.

Conheça mais sobre Topo do Funil:

O topo é o momento do aprendizado e a etapa que cliente toma consciência do seu produto, ou seja, ele não conhecia que tinha o que você estava oferecendo e não sabia que tinha necessidade de ter o produto ou serviço.

E quando ela entrar em contato com você, automaticamente terá desperta interesse e vai querer conhece-lo melhor. O contato pode ser pessoalmente, WhatsApp, ou outro local de chat que você passará informações materiais que o ajudem a entender o que o seu produto vai proporcional no problema dele, demonstre que qualquer dúvida que ele tiver poderá procurar você tranquilamente.

Esses clientes novos costumam chegar até o produto ou serviço sem nenhuma informação, apenas são como visitas. Sendo assim, é o momento ideal de você fornecer materiais ricos para ele, com foco em converte-las em leads conforme as etapas do seu funil.

Meio do funil, é hora de reconhecer o problema:

O meio do funil define a etapa de reconhecer o problema! Depois que o cliente ler e entender todas as informações que você passou, chega o momento que ele busca resolver a necessidade dele próprio. E seu papel será fornecer dicas e algumas técnicas, ajudando nessas questões.

Por meio dessa etapa do funil, é comum lidarmos com leads! São pessoas que já possuem um contato com o seu produto, e forneceram informações básicas para contato e acesso a determinado conteúdo.

Mantenha sempre a sinceridade com ele, sempre fale quais são os casos de comprar o produto, forneça alternativas para que ele possa ir além daquela compra. Nesse momento você pode indicar novos produtos, conteúdos, tudo que o ajude a qualificar melhor as informações.

Procure passar com clareza que seu objetivo é ajudar e não apenas vender o produto de qualquer jeito e depois acabou, crie uma relação de confiança e garanto que os benefícios serão muito maiores quando o lead estiver apto paras as próximas divisões do funil.

Leia também: 5 termos importantes do Marketing Digital que você precisa saber

Fundo do funil, tomada de decisão e ação de comprar:

Por último temos o momento em que o cliente faz a compra do seu produto ou serviço. Depois de ter passado por todas as outras etapas, adquirido informações e confia em você, chega o momento de ajuda-lo a comprar.

Tendo seguido todos as etapas e processos até esse final, você já terá conhecido o cliente e ele vai passar a confiar em você e no produto.

Ele vai analisar e se você estiver dentro das opções de qualidade dele, com certeza terá a compra e passará a ser um consumidor do produto.

Depois da venda, você pode oferecer uma pós-venda, que é focada na fidelização desse novo consumidor que poderá comprar mais vezes e recomendar para outras pessoas.

Desenvolvendo seu próprio funil de vendas:

Chegou o momento de criar seu próprio funil de vendas, vamos para os procedimentos:

1 – Mapeamento:

Primeiro teremos que fazer um mapeamento do processo de compra da cliente, ou seja, observamos o caminho que ele percorre para contato e conhecimento do produto. Para conseguir fazer o mapeamento, converse com seus clientes o máximo possível!

Faça perguntas organizadas estrategicamente para descobrir como eles chegaram até você, e quais motivos levaram eles a comprar o seu ou outro produtos e serviços.

2 – Milestones e etapa:

Depois de fazer o mapeamento do trajeto feito pelo seu cliente, precisamos partir para a segunda etapa.

Consciência, consideração e decisão, adicionando algumas Milestones, ou seja, momentos que mostram que o cliente tem informações suficientes e já está pronto para avançar.

Usamos as Milestones para ter o conhecimento exato de quando o cliente passou para a próxima etapa, e podemos utilizar ferramentas estratégicas para convence-lo a continuar passando por elas mais rápido.

3 – Vendas e marketing:

Por terceiro e último, já teremos o funil de vendas completamente estruturado. Agora é necessário ter um acordo entre vendas e marketing, definindo quanto cada setor deverá entregar para atingir as metas de vendas do mês. Além disso, uma estratégia de marketing ajudará a atrair mais clientes e conhecer cada um deles com o funil.

Conclusão

Agora você sabe sobre o funil de vendas e as etapas que ele possui. Faça bom uso das dicas, e coloque elas em prática.

Um funil estruturado corretamente vai possibilitar a fazer mais vendas do seu produto, serviço ou empresa que poderão atingir as metas de vendas do mês.

Se você tem um produto físico, digital ou seja um dropshipper, você pode usar a Evipes para realizar suas vendas, e usar todas as ferramentas que a plataforma disponibiliza. Faça agora mesmo o seu cadastro na Evipes. Alinhe suas estratégias de vendas com a Evipes, e venda ainda mais!